Cada um de nós tem uma chave para a sabedoria universal dentro de si. Abrindo o coração, entrando no silêncio, podemos aceder ao conhecimento que o vento murmura.

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Equinócio de Outono

Lua Cheia: 10:17h dia 23/09
Equinócio: 4:09h dia 23/09

Na manhã do dia 23 de Setembro, o Sol passa o Equador a caminho do Sul, no momento de Equinócio. Dia 23 também é dia de Lua Cheia. Como ambas as ocorrências têm lugar de manhã cedo, festejamos na véspera.

Convido-os a todos para
uma celebração / meditação de Lua Cheia e Equinócio de Outono
4ª feira, dia 22 de Setembro 2010  às  19:00h -
a Lua vai nascer às 19.35h
No Cromeleque dos Almendres
Em Guadalupe, Évora.


A partir do momento de Equinócio, as noites começam a ficar mais compridas do que os dias. A chave para a meditação nos dias de viragem é o equilíbrio. É altura de pensar sobre o que está desequilibrado na nossa vida, ou o que está em vias de se equilibrar. Com o Sol entrando no signo de Balança, há um convite cósmico de encontrar equilíbrio, de modo que ambos os lados ganhem com a situação. E se isso não parece possível? Balança vai forçar uma solução, através de ruptura (criando conflitos) ou através de jogos de manipulação, aos quais vamos ver-nos sujeitos. Balança é conhecido por ser criador de paz, bem como criador de guerra! Símbolo da Lei divina, Balança incita a  avaliar motivações e objectivos, e escolher a via do meio, a via justa, juntando opostos.
Altura de fazer um passo atrás e observar onde estás, avaliar qual será a melhor opção para encontrar uma situação estável, qual a escolha a fazer para encontrar equilíbrio entre opostos…
Equinócio em Stonehenge

Com o Sol em Balança, a Lua Cheia estará em Carneiro – o signo por excelência do pensador, da força mental. Diz-se que a espécie humana foi criada quando a capacidade de pensar se formou, e assim o Ser Humano se distinguiu dos Animais.
A força da Lua em Carneiro traz em si a origem do caminho certo, a orientação certa. Primeiro signo Zodiacal, marca o início da tomada de consciência da existência, o início da roda da experiência da vida. Fornece o estímulo para fazer um primeiro passo no caminho da transformação… Tudo está sob o signo do Pensamento, da Força Mental, da capacidade de criar com o pensamento!

Assim, na noite da Lua Cheia, uma noite iluminada pelo Sol através da Lua, é-nos trazido por Balança, o impulso e a urgência da escolha – o meio entre duas grandes linhas de força, enquanto recebemos o convite de Carneiro de surgir, tomar forma, criar a nossa vida a partir da força do nosso próprio pensamento.


É costume trazer uma oferenda de agradecimento para o sítio: um pau de incenso, uma pedrinha, um pouco de água ou uma flor... o que achares conveniente. A contribuição para a cerimónia /meditação em si, fica à consideração dos participantes.

1 comentário:

  1. Olá rietske

    cheguei aqui pesquisando sobre a Lua Cheia e fiquei confesso muito encantada! Parabéns pelo trabalho importante que realiza, serei uma seguidora e divulgadora deste espaço.

    Tomei a liberdade de retirar uma parte do seu texto, colocando, claro, a referência e o link para o original, espero que não se importe ;-)

    Antes de me ir embora quero dizer que Évora é para mim uma cidade mágica, apesar de ficar sempre com o campo energético muito agitado quando aí vou!

    Um abraço e continuação de boa caminhada

    Shin Tau

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...