Cada um de nós tem uma chave para a sabedoria universal dentro de si. Abrindo o coração, entrando no silêncio, podemos aceder ao conhecimento que o vento murmura.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

É aqui e agora. Não há caminho.

Quando falamos do Oneness - a União com Tudo que É - falamos realmente sobre a  nossa realização espiritual. Falamos de voltarmos a ser quem SOMOS - um voltar para o estado em que a Alma é reconhecida no seu aspecto divino, completo, uno. Um abraçar incondicional de tudo que SOMOS, e de tudo que É - sem reserva, sem medo, sem rejeição, sem julgamento.
Um estado de humildade e grandeza ao mesmo tempo; um estado em que sentimos o Amor Incondicional fluir livremente. Um estado em que sentimos a ligação à Vida, em que temos acesso à Sabedoria e Compaixão, à cura e à felicidade.
Por muito que queremos cultivar o conceito que é preciso crescermos e trabalharmos muito para chegar a ter esta capacidade, os mestres parecem contradizer esta ideia. A ideia de termos que caminhar muito, é ela própria um resultado de pensarmos a partir da separação, da dualidade, do receio. Receamos não ser capaz; receamos a insegurança, o desconhecido, a falta de apoio, a dor, a solidão, a doença, a morte. Todos receios que nascem na ideia que estamos separados da Fonte.
A Vida diz nos que não é preciso. Basta abrir as mãos, deixar de caminhar, deixar de querer chegar a algum lado.

Nas palavras de Thich Nhat Hanh:
Não há caminho para a felicidade,
a felicidade é o caminho.

Deves ser feliz, aqui mesmo e agora.
Não há caminho para a iluminação.
A iluminação é aqui mesmo, agora mesmo.
No momento em que tu voltas a TI, mente e corpo em conjunto,
inteiramente presente, completamente vivo, aí já tens a iluminação.
Não és mais um sonâmbulo.
Não estás mais num sonho.
Tu  estás vivo.
Tu estás desperto.

A iluminação está ai.

E se tu permites que cada um destes momentos se prolonga,
a Iluminação torna-se mais profunda.
Mais poderosa.
Não há caminho para a iluminação
a iluminação é o caminho.


Vietnamese Zen Buddhist Monk - Thich Nhat Hanh - 2007

veja também

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...