Cada um de nós tem uma chave para a sabedoria universal dentro de si. Abrindo o coração, entrando no silêncio, podemos aceder ao conhecimento que o vento murmura.

terça-feira, 11 de setembro de 2012

2012 e a União com o Universo. Pensamentos para o Equinócio do Outono

No início do ano passado, já havia muitas expectativas sobre o que podia acontecer no ano de 2012. (veja, por exemplo: Viver no Agora para preparar o futuro)
Entretanto, o Verão de 2012 quase acabou - estamos a preparar-nos para o Equinócio - e, pergunto-me, o que está a acontecer?
Pensamos muito sobre o significado das Profecias Maia, que falam do fim do medo, e da integração do Homem com o Universo. (As outras profecias falam de um aumento significativa do caos, da desintegração da sociedade que se baseia no materialismo, das alterações climáticas, da passagem da Terra pelo centro da Galáxia e da entrada numa nova realidade...)
Mas aqui gostaria de focar as alterações espirituais que estão a acontecer.

Como, de facto, toda a energia forma em si uma grande união, quando a energia na Terra se altera, nós sentimos alterações dentro de nós. (É, de resto, uma grande pergunta onde está a origem - se formamos uma união também nós podemos ser fonte de mudança que se propaga pela Terra...)
E a maior reviravolta a que estamos assistir, é uma renovada experiência dos dois elementos yin e yang em equilíbrio, em respeito mútuo. A experiência de Ser, com ambos os elementos em harmonia.
É claro que os últimos decénios deram protagonismo à energia masculina. Foi um período em que tivemos a oportunidade de experimentar a força, e pudemos lembrar o que esta energia faz. E sentimos ambos os extremos, ambos as faces da força masculina: como pode ser utilizada em benefício do grupo, para uma construção colectiva de um bem comum - mas também como pode resultar em abuso e negação do "outro".
Tempos houve em que o protagonismo era para a força feminina; também nestes tempos a nossa alma tive oportunidade de reconhecer as duas faces da força feminina. (ver também)

Em todos os tempos, as duas forças - yin e yang, feminino e masculino - estiveram presente em todos os seres, também nos seres humanos. O que faz os tempos que vivemos tão especial, é que estamos agora num ponto de viragem em que podemos fazer confluir o yin e o yang, para que funcionam em harmonia e amor mútuo.

O momento que vivemos, permite assistir a um acordar da energia feminina. Ela está a recuperar, a se curar
e equilibrar. Se lembramos que tudo traz em si a essência do seu oposto, é fácil reconhecer que também a energia masculina se encontra num processo de cura.O "masculino" está a abrir espaço para se equilibrar com o "feminino" e assim chegar igualmente à equilíbrio e à igualdade.
Aspectos femininos englobam por exemplo: intuição, introspecção, receptividade, sensibilidade, simplicidade. Alguns aspectos masculinos são a realização e concretização, autoridade, razão, materialização.
Todos temos ambos os correntes energéticos, por isso o processo de cura tem lugar tanto em corpos femininos como em corpos masculinos. No entanto, a maneira como o processo é vivido pode ser muito diferente. Os que tem uma prevalência de energia feminina, ou que se encontram em corpo feminino, podem experimentar um crescimento acentuado, como se está a subir um caminho na montanha, enquanto quem habita um corpo com energia masculina pode ter a sensação de "perda" seja de controlo ou de terreno.
Mas de facto, não se trata de ganhar ou perder importância. Trata-se de encontrar o equilíbrio entre yin e yang, sombra e luz, terra e céu, masculino e feminino. O que se ganha, neste equilíbrio, é plenitude. Os aspectos masculinos vão dar força aos aspectos femininos - e vice versa. Algo parecido com o símbolo yin-yang, em que as partes nascem um dentro do outro. A dualidade, em que os dois lados são opostos e contraditórios, vai dar lugar a uma polaridade, em que há união, colaboração, um abraçar dos dois lados. (um processo que foi já referido aqui, por exemplo neste post)

Há uma ligação directa com as profecias Maia. A mudança dimensional ("dimension shift") está a manifestar-se gradualmente em cada um de nós. É um processo de consciencialização a que também é referido como a vinda da Era do Aquário.
Ao conseguir, dentro de nós, chegar à integração dos opostos, podemos ultrapassar o medo. O que é diferente do que conhecemos, já não será uma ameaça. Saberemos que podemos chegar a uma colaboração em que tudo o que é diferente, terá o seu próprio lugar.

Abrirá uma porta para uma União interior... mas ao mesmo tempo, uma porta para uma União com o Universo. O que podemos descobrir quando curamos o desequilíbrio, é a dinâmica que nos faz "Seres Humanos". Aceitaremos que somos feitos de opostos. E vamos poder descobrir, ao atravessar a porta para a União, a força de criação resultante do encontro entre o Masculino e Feminino. Será uma força e um poder esplêndidos, só comparável com a força da criação da própria Fonte.
É uma realização forte, e uma consciencialização profunda quando percebemos que na nossa essência somos iguais à Fonte.

O fim do calendário Maia aproxima-se. Uma mudança de paradigma anuncia-se, todos os dias, através das nossas experiências. Muitos sentem a mudança a acontecer gradualmente. Todos somos os escolhidos para fazer a ascensão - o que será preciso é que cada um faz a escolha por si.

Escolhemos a união ou ficaremos agarrados ao medo?  Aceitamos o Tudo que É com toda a flexibilidade que o momento requer, ou ficamos apegados a julgamentos e padrões de pensamento antigos?

Teremos a coragem e a humildade necessárias para poder aceitar que SOMOS a Fonte da Criação?

Estamos a aproximar o momento do Equinócio, no dia 22 de Setembro. Equilíbrio entre dia e noite, de igual duração. Momento de experimentar o equilíbrio e aceitar que os opostos existem e fazem de nós quem somos. No dia 22 haverá uma meditação no Cromeleque dos Almendres, ao nascer do Sol (início da meditação: 07.00h).

"In the higher realm of true Suchness there is neither "self" nor "other": When direct identification is sought, we can only say, 'not two'. One in All, All in One - If only this is realized, no more worrying about your not being perfect!"
~ Seng-ts'an

Textos relacionados podem ser encontrados, por exemplo, em "Oneness" , "Cura" , "Criação" ou "Aqui e Agora".

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...