Cada um de nós tem uma chave para a sabedoria universal dentro de si. Abrindo o coração, entrando no silêncio, podemos aceder ao conhecimento que o vento murmura.

segunda-feira, 9 de junho de 2014

A Lua Cheia de 13 de Junho pede para resolver o conflito entre a lógica e a intuição

Na próxima sexta feira, 13 de Junho, a Lua completa o seu ciclo e estará novamente cheia. A Lua Cheia de Junho é chamada Lua de Morangos ou Lua das Rosas ou Flores... Uma Lua de colheita, de flores e frutos, de romantismo e emoções.

Quando a Lua Cheia aparece, o Sol estará em Gémeos e a Lua em Sagitário. Como sempre, o período da Lua Cheia significa que podemos colher os frutos daquilo que semeamos na Lua Nova, aproximadamente duas semanas antes. Um período emocional - que tanto pode ser de romantismo como de confronto com emoções normalmente escondidas.
A oposição entre Gémeos e Sagitário é um eixo particularmente mental, em que Gémeos representa a "mente inferior" e Sagitário a "mente superior". O Sol em Gémeos estimula o pensamento lógico, enquanto a Lua em Sagitário convida à intuição e o pensamento lateral e abrangente. Sagitário é o signo das vistas longas e largas, de apontar as setas para o horizonte; a procura de um significado maior e ideias que ultrapassam o imediato e o curto prazo. Gémeos, por seu lado, é o signo das "vistas curtas", confortável no ambiente mais imediato e próximo.
É preciso atenção para ambos os extremos deste eixo, negligenciar um dos lados terá um efeito contraproducente. Na altura da Lua Cheia, a energia cósmica convida para um entendimento do equilíbrio entre os dois extremos.
De facto, esta Lua Cheia é toda acerca de comunicação com o próximo, a atitude pessoal e o chamamento para a aventura. Nos últimos tempos, algo tem estado a crescer dentro de nos...
e agora a energia cósmica convida para deixar saír o que acumulou. Não podemos fechar as nossas emoções e sentimentos no nosso interior. Manifestação é preciso! Somos lembrados que é necessário, mais do que nunca, exprimir o que vai dentro.
Muitos têm tido um sentimento que algo está se anunciando, lentamente e ainda em surdina; como muitos também têm sentido uma crescente necessidade de expôr a sua visão, de identificar o que está em desharmonia e de manifestar as suas ideias sobre as soluções possíveis. O embaraço está a ser posto de lado para dar lugar à noção de que a presença de cada um, no Aqui e Agora, não sõ é fundamental como faz toda a diferença!

A Lua Cheia ilumina o conflito entre a lógica e a intuição - a Luz da Lua brilha no céu nocturno e ilumina também o que está acontecer nas nossas vidas. O que ilumina este mês é o que tem estado a viver e crescer algures dentro de nós... a revelação pode ser emocional! O que será exprimido será novo, ainda não polido, e muito menos racional. Será prudente sentir as palavras antes de as proferir...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...